As vezes me sinto perdida dentro do meu próprio mundo, as vezes quero ajudar tantas pessoas, e me deparo na solidão em casa sozinha sem ninguém perguntando como estou. E que a realidade na minha vida é que minha melhor compainha sempre foi a música e eu mesma, meus pensamentos, mesmo que as vezes eles me levam para lugares que não quero ir. E quando eu vejo já estou lá.

Conheci o artista pelo Groover, sorrir ao ouvir “Fragmentado”. E por curiosidade pesquisei o significado apenas de primeira da palavra, que diz :

Que se conseguiu fragmentar; que foi alvo de fragmentação, de divisão ou de separação; que foi repartido em pedaços ou partes menores”.

 Essa explicação já me faz pensar em milhares de coisas e como me sinto as vezes despedaçada e em cacos aqui dentro de mim.

Essa música em especial me fez pensar na minha ansiedade e o que já passamos juntas, não é nada fácil vive com ansiedade, as vezes você não aproveita os momentos que devem ser aproveitados e isso futuramente – como uma boa ansiosa não poderia deixar de falar do futuro – pode causar dores giganstecas e que dificilmente você consegue lidar com elas, essas dores me machucam e muitas vezes me fazem querer parar tudo que estou fazendo, mas minha melhor amiga ( a música) faz eu pensar diferente, auto analise das situações e depois de um choro longo vem o alivio e a calmaria. Mas é processo dolorido demais, imagina passar por várias vezes por isso?!

Aos 29 anos, Danillo de Oliveira Lima, vulgo Flowdi, é rapper, produtor e compositor nascido e criado na Zona Leste de São Paulo. Influenciado pelo rap e por tudo que se tocava na comunidade em que nasceu, Flowdi também teve a música gospel como parte relevante da trilha sonora de seus primeiros passos por ser filho de pais protestantes. Trabalhou de diversas maneiras para ajudar nas contas de casa, iniciou graduações em engenharia e economia, mas rapidamente deixou de lado em função da música.

Fez seus primeiros shows em formato voz e violão em 2017, ano em que criou o “Salve Mundo!”, canal no YouTube que consistia em difundir música independente em geral. Teve suas primeiras experiências em estúdio em 2019, lançando então suas primeiras músicas e iniciando os estudos no ofício da produção musical. Fez alguns pocket shows de rap nessa época em parceria com outros artistas como Férre e Éfebe. Com a chegada da pandemia que interrompeu o fluxo de eventos, passou a se dedicar com mais afinco à produção, tendo como fruto a produção integral de um EP de 6 faixas do rapper Férre denominado “Suor”, lançado em Abril de 2021. Em outubro de 2021 lançou “Fragmentado”, seu primeiro single solo, faixa pertencente ao álbum C.O.V.A, com lançamento previsto para o final do ano. Flowdi promete trazer um trabalho com enfoque na luta diária com a ansiedade de um cidadão periférico num contexto pandêmico, política e socialmente conturbado, tendo a lírica como o fio condutor de 8 faixas de rap com timbres e batidas diferentes entre si, partindo do boombap que o influenciou inicialmente até novos ritmos adquiridos como o trap e o afrobeat. Jogando tudo em função do amor pela música, pela poesia e pelos ideais de mensagem, Flowdi já reúne centenas de milhares de visualizações em seus trabalhos nas mídias sociais, entre releituras e conteúdos inteiramente autorais.

Vamos parar de papo e bora curtir do som de FLOWDI?!

Siga nas redes sociais para saber mais novidades:

http://www.instagram.com/flowdi_

http://www.facebook.com/daniloflowdi

 http://www.soundcloud.com/daniloflowdi

FIQUEM LIGADOS QUE EM BREVE TEM MAIS MÚSICA AQUI, HEIN?  TE ESPERO! ABRAÇO GRANDE,
@MAAHMUSIC

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO