Vamos viajar o mundo comigo?! Hoje trago para vocês sobre a Banda escocesa mostra mais uma vez capacidade em inovar na música.

Fauves é uma banda indie-pop de Glasgow, na Escócia, que mistura elementos de funk, soul e jazz. Eles são reconhecidos por seu som e obras de arte únicos, com o nome de Fauvism, um movimento de arte francês do início do século XX que utilizava formas e cores vibrantes.  Vem comigo saber mais:

O grupo se apresentou em todo o Reino Unido, construindo uma reputação de um show ao vivo, ainda que sonoramente incomparável a muitos de seus colegas na cena musical de Glasgow. Eles se aventuraram em sua primeira turnê principal no Reino Unido na primavera de 2019 e abriram a série de shows com um memorável show de estreia esgotado no Sebright Arms de Londres, com outros shows lotados em todo o Reino Unido, culminando em um show esgotado no 400 Cap G2 de Glasgow.

Ao longo de 2019, eles subiram ao palco em vários grandes festivais, incluindo Tramlines, Playground festival, xPo North, Outwith e Indian Summer, dividindo o palco com artistas como Lauryn Hill, Courtney Barnett, De La Soul e Baxter Dury, The Babe Rainbow e Annie Mac.

“Wither Away” vê Fauves fundir suas misturas instrumentais funky características com vocais psicodélicos com alma. Introduzido por um delicado riff de guitarra, “Wither Away” apresenta uma leveza e complexidade cada vez mais evidentes na música do Fauves. Ritmos instrumentais complexos, justapostos a vocais impactantes, proporcionam uma audição climática, enquanto guitarras intermitentes e vibrantes se encaixam na bateria fora do comum para dar um toque descontraído ao longo dos versos da música.

Pequenas mudanças de ritmo e direção ao longo da faixa aumentam a sensação experimental, à medida que se move de seção em seção, completa com cordas vintage e guitarras de blues, até que a música acelera para uma conclusão intensa. “Você diz ‘nós tivemos tudo …’ você diz ‘juntos, vamos murchar …”

Em “Wither Away”, Fauves transmitem seu som distinto dos lançamentos anteriores, e suas incursões experimentais entre o funk e o psych em diferentes gêneros são realmente algo de se ver.

VAMOS PARAR DE BLÁ, BLÁ, BLÁ E APERTAR O PLAY AGORA!

LIGADOS QUE EM BREVE TEM MAIS MÚSICA AQUI, HEIN? TE ESPERO! ABRAÇO GRANDE,
@MAAHMUSIC

DEIXE SEU COMENTÁRIO