Galera musical do meu brasil ou melhor do mundo, vocês estão preparados para minha dica de hoje?

Que álbum insano, que musicas sensacional, e que te fará dar aquela dançadinha em casa. Nesses dias em casa tenho escutando muita música, fora do normal e que tem me feito sentir mais e mais coisas dentro do meu coração, ao mesmo tempo tem me ajudado com a minha ansiedade que resolvei vim me visitar nesse momento.

Bom, o assunto hoje é a Jessie Reyez, sou apaixonada pelos lançamentos dela e esse álbum eu gostaria de casar com ele, a minha música preferida é “Kill Us” e excitante e marcante -risos-

Vem saber mais e ouvir comigo mais uma obra de arte da cantora:

A cantora e compositora Jessie Reyez apresenta o seu aguardado álbum de estreia, “BEFORE LOVE CAME TO KILL US”. Gravado em estúdio, o projeto traz 14 faixas e mostra que Jessie Reyez está voando alto. No disco, a cantora conta com apenas duas participações especiais: Eminem, na faixa “Coffin”, e 6lack em “Imported”. O corpo do trabalho se reflete por meio de um lirismo intimamente bruto e um storytelling forte, que oferece uma visão interna das experiências emocionais geradas pelo amor, pela perda, identidade, religião e política

Seguindo o mesmo conceito, Jessie também apresenta hoje o sombrio videoclipe de “I Do”. Dirigido por Ross Lai, o vídeo visita algumas experiências de vídeos anteriores de Reyez, como a perda de um parceiro e a esperança do reencontro no além-vida. As imagens trazem à vida a vulnerabilidade crua apresentada ao longo do projeto, que também traz singles previamente lançados, incluindo a faixa “Imported”, com participação de 6lack, que recebeu Certificado de Ouro, o hino empoderado “Ankles”, e o single mais recente, “Love in the Dark”. Reyez traz sua experiência de vida para sua música e reafirma sua narrativa de autenticidade, empoderamento e consciência.

Jessie vem criando um trabalho sólido desde quando apresentou seu hit “Figures”, em 2016, que recebeu o Certificado de Platina. Com o lançamento de seu EP de estreia, “Kiddo”, Reyez foi aclamada pela crítica, seguido de um trabalho incessante, que rendeu a ela uma indicação ao Grammy por seu segundo EP, “Being Human in Public”.

Jessie Reyez já viajou o mundo todo e se apresentou em festivais renomados, como o Lollapalooza, AFROPUNK, Governors Ball e outros, que contribuíram para que ela conquistasse uma devota legião de fãs. No início do mês, a cantora foi para a estrada junto com a superestrela Billie Eilish em sua turnê pelos Estados Unidos, que, assim como grande parte dos eventos da indústria da música, precisou ser interrompida devido a pandemia global da Covid-19.

Lançar seu álbum de estreia durante esse período foi um conflito para Jessie Reyez. Em entrevista ao The New York Times sobre a decisão de manter a data do lançamento, Jessie disse: “Isso me atrapalhou, porque eu tava tipo ‘não quero parecer insensível’. Eu cresci pensando sobre a morte como algo que poderia facilmente acontecer amanhã. Mas eu sei que para a maior parte das pessoas, existem muitas razões para se ter medo no momento. Estou em conflito. Mas decidi lançar, porque indecisão nunca fez nada por ninguém.”

VAMOS PARAR DE BLÁ, BLÁ, BLÁ E AUMENTA O SOM PARA JESSIE, PLAY!

Website: https://JessieReyez.lnk.to/Website

Instagram: https://JessieReyez.lnk.to/Instagram

Facebook: https://JessieReyez.lnk.to/Facebook

Twitter: https://JessieReyez.lnk.to/Twitter

TikTok: https://JessieReyez.lnk.to/TikTok 

FIQUEM
LIGADOS QUE EM BREVE TEM MAIS MÚSICA AQUI HEIN, TE ESPERO! ABRAÇO GRANDE,

@MAAHMUSIC

DEIXE SEU COMENTÁRIO