segunda-feira, 18 de fevereiro de 2019

ENTREVISTA COM TURMA DO PAGODE!


Leitores do meu coração batuqueiro, vocês estão preparados (as) para entrevista insana de hoje?
Eu estou super feliz porque tive oportunidade de entrevistar um grupo que adoro demais, e que quando eu estou triste é só colocar Turma do Pagode para tocar que é alegria garantida.
 Turma do Pagode lança mais uma amostra do novo projeto ao vivo, “Misturadin2”. O EP2 conta com seis faixas, com as participações de Leci Brandão, Brother Charlie e Salgadinho. Quer saber mais sobre esse trabalho? Confira agora mesmo entrevista com o grupo onde eles contam curiosidade e muito mais <3


















Turma do Pagode é uma honra fazer essa entrevista com vocês. Vamos falar sobre o sucesso do misturadin2, esse projeto tem musicas novas e músicas antigas. Como foi a escolha de repertório das músicas antigas? Foi muito difícil? Afinal, a maioria das musicas de vocês são grande sucesso.
Thiagão: 
O processo de seleção de repertório e convidados foi muito semelhante ao de Misturadin. Nos reunimos durante muitos dias para ouvir todo o material até selecionar as músicas que entrariam no trabalho. O repertório tem canções inéditas e regravações e a escolha dos convidados acompanhou essa seleção. E dessa vez tivemos a oportunidade de convidar artistas que admiramos muito e que ficaram de fora do primeiro, como Fundo de Quintal – uma grande referência para todos nós -, Leci Brandão, Samprazer, Sensação, Rael, Doce Encontro e Katinguelê. Para os artistas de outros segmentos pensamos nas músicas que achávamos a cara deles e estamos muito contente com  resultado dessa nova mistura.

E as novas musicas. Foi difícil também escolher qual se encaixaria melhor nesse novo projeto?
Marcelinho TDP: 
A seleção de repertório é sempre um processo longo e que demanda muito trabalho e atenção. Antes de definir o repertório final, escutamos repetidamente um grande número de músicas compostas por integrantes do grupo e outros compositores. E é muito legal ver como existem compositores talentosos no Brasil.

Tive a honra de ir ao show de gravação do DVD e a galera foi a loucura. Como foi aquele dia para vocês?
Thiagão: 
O dia da gravação de um novo trabalho é sempre uma correria e uma mistura de emoções. Cada novo trabalho é sempre mais um importantíssimo passo em nossa carreira e para que tudo corra bem são muitos detalhes para ajustar e deixar tudo perfeito. E mesmo com anos de carreira, sempre dá aquele friozinho na barriga: será que vai dar tudo certo? será que o público vai gostar? Mas é uma alegria imensa ver mais um trabalho pronto. Cada minuto vale à pena!

No show que fui eu reparei que tem público de todas as idades. Como é para vocês vê conquistando novo fãs e ainda agradando os fãs antigos?
Thiagão:
 É muito gratificante ver que pessoas de várias idades acompanham o nosso trabalho. Como já temos quase 20 anos de carreira, é normal que os fãs apresentem nosso trabalho para seus filhos, irmãos mais novos, pais, etc. O samba é a cara do Brasil e é muito legal ver que as novas gerações ouvem e acompanham o nosso trabalho e de artistas de várias gerações do samba.

E essas participações pra lá de especiais. Conta para os leitores como foi para escolher quem iria participar e por que eles foram escolhidos?
Marcelinho TDP:
 Quando selecionamos o repertório para Misturadin  muita coisa ficou de fora: canções inéditas, regravações que gostaríamos de fazer, além de convidados que tínhamos muita vontade de fazer parcerias e trabalhar juntos. Misturadin 2 é uma oportunidade de trabalharmos com essas canções e esses artistas.

Hoje o cenário musical vem se misturando, os estilos musicais vem fazendo parcerias diferente e de ritmo diferentes. O que vocês acham sobre isso ? O que vocês tem escutando atualmente na playlist do grupo?
Thiagão: 
A parceria com artistas de outros gêneros não é uma novidade na nossa carreira, já fizemos isso com MC Guimê e Aviões. O Brasil é uma mistura de raças e ritmos e adoramos misturar. Quando misturamos diferentes gêneros estamos sendo ainda mais Brasil e isso soma muito. E o público confirma que a mistura dá certo. "Aonde quer Chegar", parceria com Gaab, e "Pesquisa no Google", com participação de Henrique & Diego, são um sucesso nas plataformas digitais e nos shows.
Todos no grupo são muito ecléticos e gostamos de ouvir todos os tipos de música.

Entrevista chegando ao fim. Conta para os leitores quais serão as próximas novidades?  E qual a importância dos fãs na vida do grupo Turma do Pagode?
Marcelinho TDP:
 No Misturadin 2 estamos experimentando um novo formato e vamos lançar 3 EPs. O primeiro já está disponível nas plataformas digitais e, em breve, o EP 2 e o EP 3 também estarão.  A ideia agora é viajar pelo país com a turnê desse novo trabalho. Já estamos na estrada e a receptividade do público tem sido incrível.

Para finalizar com chave de ouro. Qual recadinho vocês deixam para galera que acompanham vocês?
Thiagão: 
Nós queremos agradecer nossos fãs de todo o Brasil porque sem esse apoio nada disso seria possível. E esperamos que cantem, dancem e se divirtam muito com Misturadin 2.E esperamos ver todos nos shows.

BORA FAZER O QUE O THIAGÃO DISSE? VEM CANTAR, DANÇAR E SER FELIZ Ô:


Gostaram? Vem comigo seguir a galera nas redes sociais e bora acompanham o grupo Turma do Pagode!



FIQUEM LIGADOS QUE EM BREVE TEM MAIS MÚSICA AQUI HEIN, TE ESPERO! ABRAÇO GRANDE,
@MAAHMUSIC

2 comentários:

  1. Ótimo entrevista da Maah, percebe-se o quanto a banda ficou á vontade.
    Sobre a turma do pagode, ah é aquele som para curtir e relaxar e esquecer os problemas.

    ResponderExcluir