domingo, 30 de dezembro de 2018

PARA OUVIR: RAPHAEL OTA.


Já começo dizendo que na questão EP o Raphael já levou a melhor do ano na minha humilde opinião. Assim que ouvir o EP não conseguir mais parar, e quando parei logo depois voltei.
Para o cantor, compositor e multiinstrumentista Raphael Ota 2018 foi o ano que um novo caminho se abriu, com novas possibilidades e experiências. Para coroar essa fase lançou nesse ano seu trabalho, o EP “Outra Direção”. E te conto detalhes desse novo trabalho agora mesmo, vem comigo.



Apostando em um som guiado pelo pop britânico e produzido por Jeff Pina (Tiago Iorc e Anavitória), o músico paranaense lança seu EP com três faixas autorais. O processo de gravação foi iniciado em abril, mas a música que dá nome ao trabalho só veio depois.

“Outra Direção” (Raphael Ota/Alexandre Gaioto/Ale Mattia/ Alexis Mattia) é a faixa-título e carro chefe do EP. O esboço surgiu em um sonho de Raphael Ota, “Sonhei com a melodia e a letra: ‘Não diga que esse amor não vale a pena / Não diga que isso tudo é uma besteira / É dentro desse abraço que encaixa, onde eu escolho ficar’. Com ajuda dos parceiros, terminamos a letra baseado nesses versos, onde a primeira pessoa tenta fazer com que o seu amor escute os seus sentimentos.”, explica o cantor.
Uma canção de amor direta, que descreve o quanto uma pessoa pode te modificar é “Milenar” (Raphael Ota). A faixa surgiu de uma levada folk, mas se transformou no estúdio, com Jeff, que incluiu influências diversas, como Ed Sheeran.

“Longe Demais” (Raphael Ota/Oswaldo Botrel) é a canção mais antiga do trio presente no EP. É também a que mais se assemelha ao primeiro single de Raphael Ota, "Enfim Despertei", e emerge o clima britânico. Com uma sonoridade voltada ao vintage, a letra descreve o sentimento de deixar pra trás o que se ama, mas com a promessa de não se separar.
O EP “Outra Direção”, além de produzido por Jeff Pina, foi mixado e masterizado por William Santos no WSTF Estúdios, em São Paulo. As composições são do próprio Raphael Ota em parceria com Alexandre Gaioto, Ale Mattia, Alexis Mattia e Oswaldo Botrel.

O músico paranaense apontou que o EP marca o fim de um ciclo em sua carreira e que os próximos passos ainda serão planejados após o lançamento, “ Acredito que esse EP seja o fim de uma fase, ainda não sei o que está por vir, mas acho que talvez uma mudança de sonoridade, uma outra direção. Realmente estou feliz com a nova música e com o EP em geral. Todo o processo foi muito divertido e prazeroso. Pelo resultado e por trabalhar com um time tão bacana”, acrescentou.
Que tal paramos de conversa e ouvir agora mesmo o EP? Dá o play!! 


Quer ficar por dentro de todas as novidades da cantora? Então, não deixe de seguir ela nas redes sociais, aqui ô:





FIQUEM LIGADOS QUE EM BREVE TEM MAIS MÚSICA AQUI HEIN, TE ESPERO! ABRAÇO GRANDE,
@MAAHMUSIC

Nenhum comentário:

Postar um comentário