sexta-feira, 1 de setembro de 2017

OUÇA AGORA: ARAMÁ


Oi leitores movidos á musica, tudo bem com vocês?

Se vocês querem um som animado, então, pare tudo que vocês estão fazendo agora e vem ouvir a cantora italiana Aramá, tenho certeza que ela vai ganhar seu coração como ganhou o meu no primeiro som que ouvir!
O carisma do Brasil é, reconhecidamente, um dos atributos nacionais que mais chama atenção dos estrangeiros. Somado à beleza natural, música e cultura, o país ganha admiradores pela ampla diversidade de suas regiões tão diferentes entre si. Aficionada pela cultura brasileira desde os primeiros contatos com a música produzida aqui, a italiana Aramà, nascida Giulia Carmentano, não poupa carinhos e afetos pelo país - traços que impulsionaram seu interesse em juntar brasilidades, música italiana e outras referências étnicas. E Aramà consegue coroar essa mistura com um pop dance digno das grandes arenas.

Que som é esse minha gente, é contagiante. Vem comigo que te conto mais sobre: 



Após colecionar sucessos com os primeiros singles, como É com Você (2015) ao lado de Ivo Mozart, Aramà apresenta agora La Verità, seu primeiro álbum cheio que traz um repertório eclético e seguro de suas tantas incursões: eletrônica, dance music, axé, toques árabes, synthpop, samba, house. Composto em italiano, inglês e português, este trabalho mostra uma artista em conexão com a realidade interativa de nossos tempos e também pronta para diversos mercados - o europeu, onde já habita; o brasileiro, que segue desbravando e o latino, um objetivo.
La Verità, o álbum, é sobre verdades e começar novas fases, um compêndio dos sentimentos e emoções de Aramà pelo Brasil. Na tentativa de musicar as experiências no país, o diálogo surge entre convidados diversos na composição dos arranjos e na produção, como a dupla paraense Strobo, o trompetista Sidmar Vieira, o produtor e guitarrista Renato Galozzi e DJ Kalfani. A proposta de dar uma forma aos sentidos aguçados por nossa cultura também ganha corpo com as variações rítmicas e a condução de cada faixa, todas bem distintas entre si.
Cenários paradisíacos, como a praia de Itapuã (Salvador), são fortes inspirações também. “Chica Boom”, que abre o disco, vem cheia de impressões pessoais sobre a mística das terras baianas e a influência do clima tropical. As viagens pelo país ajudaram a estreitar os laços culturais de Aramà com o Brasil, que foram vividos nos dois anos em que residiu aqui, período que serviu para aprimorar seu português e conhecimentos gerais. Já “La Verità”, a faixa-título, é um dueto com Walmir Borges e a canção mais emblemática do disco. De romantismo profundo, esta música reúne todas as emoções e sonhos de se abrir ao mundo.

Vamos parar com esse lero-lero e aperte o play agora:


Acompanhe agora mesmo o trabalho da cantora nas redes sociais:

        
Amanhã tem mais musica e muitas novidades musicais, não percam minha gente!

Aquele abraço apertado e mega beijo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário