domingo, 17 de agosto de 2014

Entrevista Exclusiva com Gareth Jay.

Olá, queridos leitores.

Tudo bem com vocês?

Hoje é dia de entrevista exclusiva aqui no Maah Music. Estou muito feliz, e quero aproveitar e agradecer ao cantor Gareth e sua produção pela oportunidade e claro a honra de ter uma entrevista dele aqui no site, muito obrigada.
Falei sobre o trabalho dele á pouco tempo aqui no site. Gareth é cantor e compositor, e volta aqui no blog para contar as próximas novidades do seu trabalho e outras curiosidades.

Então vamos deixar de blá blá blá e conferir a entrevista com cantor Gareth Jay.

.É uma honra ter está entrevista e eu quero agradecê-lo pela oportunidade. Primeira coisa que eu quero saber é se você já teve outro trabalho que envolve música? Como você descobriu seu talento e amor pela música? 

Eu sempre trabalhei na música. Começando com espetáculos teatrais e busking até agora. Eu venho de uma família de músicos e cresci cantando no carro e em feriados. Minha família sempre apoiou e me incentivou a perseguir música. Costumo brincar que minha mãe é meu maior fã.

. As músicas que você canta é você que compõe? Qual é a sua fonte de inspiração? Você já fez música para alguém especial?

Eu escrevo todas as minhas próprias músicas, mas às vezes eu peço colaboração para outros artistas para criar algo especial. Minha inspiração vem principalmente de pessoas ao meu redor, muito do que é inspirada por mulheres na minha vida. Na minha vida amorosa eu namorei mulheres que virou canções. As relações que terminam com canções nem sempre foi tão bem.

. Na cidade onde você vive. Qual é a cena da música? Há preconceito contra o tipo musical ou o povo de sua cidade está totalmente aberto ouvir novos tipos de música?  

Eu moro em Sydney, Austrália, que tem uma cena de música ao vivo muito grande. É muito popular e tem muitos músicos ao vivo em cafés, restaurantes, bares e festas. É muito aberto aqui e você vai encontrar um estilo de música diferente em cada bar diferente. Eu acho que é bastante impressionante. 

. O que você acha do Brasil? Você conhece e gostaria de trabalhar com qualquer artista brasileiro?

Eu adoraria visitar o Brasil! Eu sempre fui interessado na cultura, à comida, as pessoas e a música. Eu tento conectar com artistas de todo o mundo. No momento eu tenho escutado Los Hermanos e Raul seixas, há uma grande variedade de estilos da música brasileira. Eu adoraria trabalhar com alguns artistas brasileiros para ver onde a nossa diferença de estilo musical poderia nos levar. 

.Influencia o que são as suas influências? Que gênero de música você gosta?

Eu sou influenciado por um monte de músicas antigas, especialmente Albert King, Elliott Smith, Donovan, Carol King, The Beatles, e Dr. John. Eu cresci ouvindo muita variedade e por isso a minha música original ganha um monte de estilos. Ela só depende do humor que eu estou tentando criar na música. Eu amo  música. Eu sinto que ele está tão ligado com a alma do músico. Mesmo quando você assistir a vídeos de músicos que você ainda pode ver e sentir como na música dos músicos são. Para mim, quando eu tocar o blues, sinto-me mais a mim mesmo. 

. Você lançou recentemente a música "É tarde demais", como foi o processo de gravação?  

Eu escrevi "É tarde demais" no ano passado, quando eu estava longe de casa, no Japão. Eu estava sentindo falta de uma mulher que significou muito para mim e senti como se tivesse perdido. A música saiu de repente durante uma pausa em shows. Eu fui e gravei uma versão aproximada do que eu escrevi. Uns meses mais tarde, eu o levei para o estúdio para gravar oficialmente. Significou muito para finalmente ouvi-lo exatamente como eu imaginava na minha cabeça. A mulher pra quem eu escrevi a canção sobre chorei quando eu mostrei a ela.

. Qual a mensagem que você quer passar para o público a ouvir a sua música?

Eu escrevo muito sobre o amor, paixão e dor. Eu tive alguns fãs voltar para mim e dizer que eles realmente entenderam o que eu estava dizendo; que sentiu o que eu sentia dentro de suas próprias vidas. Acho escrevendo essas músicas, é uma coisa reconfortante e positiva para que os outros saibam que eles não estão sozinhos.

. Somos curiosos. Contém para os leitores do blog. Qual será a próxima novidade?

Estou em turnê muito ocupado em torno de Sydney e da Austrália para o próximo ano, e tem planos para turnê no exterior no ano que vem. Estou lançando um novo álbum no final de agosto de 2014. Eu tenho trabalhado duro para ter tudo concluído ao longo dos últimos meses, e estou muito animado para mostrar a todos o meu mais recente música.

. Antes de sair. Deixe uma mensagem para os leitores de música Maah.

Muito obrigado por sua entrevista. Estou muito animado para ser capaz de comunicar com os amantes da música no Brasil e realmente aprecio isso. Obrigado por apoiar músicos internacionais! Tudo de bom. 

Vamos de música agora? Dá o play moçada!

Gostaram? O que vocês acharam da entrevista? Deixem seus comentários!

Adoro o som dele. Espero que ele coloque o Brasil na lista de shows que ele vai fazer de turnê do seu próximo trabalho. E se você ficou fã da banda, fiquem por dentro de todas as novidades, acessem:

www.reverbnation.com/garethjay

www.soundcloud.com/garethjaymusic

www.facebook.com/garethjay

Eu vou ficando por aqui. Estou muito feliz com essa entrevista insana!!! 
Beijo,
@maahmusic

 

6 comentários:

  1. Oi Maah!!! Estive sumida, mas voltei, ehehe!
    Amei a entrevista com o Gareth!

    Obrigada por comentar no meu blog!
    Tem post novo, vem ver: http://lookdasimone.blogspot.com.br
    =*

    ResponderExcluir
  2. Eu amei a entrevista Maah, a música dele é uma delícia de escutar, eu amei, espero que um dia faça shows pelo Brasil, beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Ele comentou que lá onde ele mora tem várias pessoas que gostam de música e tal, dai me lembrou do dia que eu estava indo pro estágio e no shopping onde eu faço estágio, estava tendo uma apresentação de dança. Eu achei super legal e bem acho que poderia mesmo ter mais disso aqui no Brasil, sabe? Cantores ou dançarinos na rua, mostrando seu talento e fazendo o dia exaustivo de qualquer pessoa muito melhor. Adorei conhecer ele, ainda não conhecia.

    Bitocas!
    Www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  4. Maah, como vai minha querida?! Adorei a entrevista, ele me pareceu muito simpático :D
    Ainda não o conhecia.. mas novidades são sempre bem-vindas!!!
    Beijinhos, Té
    www.bloglola.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Mah! Eu perguntei em outro post e não sei se você viu, então vou perguntar de novo. Posso publicar o conselho que você me pediu (respondendo ele), sem citar nomes? Acho que ajudaria muitas meninas, pois o caso que você contou é mais comum que se imagina. O post está prontinho, só falta sua permissão para que eu publique-o. Se não quiser, vou respeitar sua escolha e posso te passar a resposta por e-mail. Me responde, tá? :(
    Beijo!

    ResponderExcluir