E aí, leitores do Maah Music! Sentiram saudades
do Giro Pelo Mundo? Pois a coluna
está de volta em mais uma temporada com o melhor da música internacional! Para
refrescar a memória, eu (Renan Oliveira) trago as melhores dicas de artistas e
bandas ao redor do mundo, com foco no cenário independente e em talentos
desconhecidos. Então aqui nós vamos realmente ampliar o repertório musical
conhecendo artistas muito interessantes!

Dessa vez, não vamos falar só de música, mas do
assunto do momento. A Copa do Mundo trouxe estrangeiros dos quatro cantos do
mundo, então nada mais justo do que fazer um contraponto. Na primeira temporada
do Giro Pelo Mundo, a temática ficava
em torno de países previamente selecionados e dessa vez não vai ser diferente.
O que muda é que agora teremos um tópico específico: os adversários do Brasil.
E hoje, na volta da coluna, faremos um especial com os dois primeiros rivais da
nossa seleção.

O jogo que inaugurou a Copa 2014 trouxe nosso
país contra os europeus da Croácia. Não foi surpresa quando o resultado trouxe
a vitória do Brasil, com 3×1. Surpresa é o estilo diferente que a música croata
representa. Os croatas tem forte influência de cordas e é muito comum encontrar
músicas instrumentais por lá. Um dos artistas mais conhecidos vindos da Croácia
atualmente é o duo 2Cellos, que, como o próprio nome sugere, toca violoncelo e
faz relativo sucesso fora de seu país. Mas a dica de hoje é uma cantora com
ritmo um pouco mais peculiar. Severina é considerada uma artista pop na Croácia,
mas vocês podem notar grande diferença entre a música dela e o pop que
conhecemos.

O nome do clipe acima é “Moja Stikla”, de 2006. É
o tipo de música que ou você se apaixona ou entorta a cara na primeira ouvida.
Depois pode se acostumar e se deixa levar pelo ritmo dançante, que traz uma
mistura de folk e influências de cabarés, mas tem ainda uma sonoridade
levemente oriental. Falando resumidamente sobre Severina, a cantora tem 32 anos
e começou sua carreira cedo aos 17 anos, lá em 1989. O auge do sucesso veio bem
mais tarde em 2001, com o sétimo álbum “Pogled Ispod Obrva”. Ela já tinha sua
fama, mas foi nessa fase que se firmou de vez como uma dos principais artistas
croatas. Agora em 2014, Severina lança a décima segunda compilação da carreira,
ainda sem nome divulgado. E não é só na música que ela é conhecida. Outro
talento da cantora inclui atuação em filmes e peças, mas Severina também ficou
marcada por um escândalo envolvendo um vídeo sexual com o empresário Milan
Lučić em 2004.


Seguindo em frente, vamos ao México, que
enfrentou o Brasil na última terça-feira, resultando em um empate sem gols.
Falar sobre a música mexicana não é nenhum bicho de sete cabeças, uma vez que
já temos familiaridade com vários artistas de lá. Belinda, RBD e principalmente
a eterna Maria do Bairro Thalia já fizeram muito sucesso por aqui. Outra banda
que anda com tudo na terra da tequila é a Moderatto, com o hit “Voy A Ganar”. O
grupo está na ativa desde 2001 e, embora nunca tenha marcado presença aqui no
Brasil, tem destaque na nossa Copa porque a música citada é tema da seleção
mexicana. Mais do que justo eles serem a nossa dica musical do país.

A Moderatto já lançou oito álbuns ao longo da
carreira e tem influência de bandas de rock como Kiss, Poison e Twisted Sister,
embora tenha uma sonoridade um pouco mais pop. A ligação com o rock não para
por aí, pois a banda já chegou a abrir shows para o Bon Jovi. No lado do pop,
eles já fizeram um dueto com Belinda em uma versão não menos rock de “Muriendo
Lento” do grupo Timbiriche, que está no segundo álbum “Detector de Metal”
(2004). Outra curiosidade é que seus integrantes fizeram parte da dublagem
mexicana do filme “Carros” em 2011.

Essas foram as dicas do retorno do Giro Pelo Mundo: a croata Severina e os
mexicanos da Moderatto. Se quiserem conhecer melhor o som deles, é só procurar
no Youtube e curtir o som à vontade. Como vocês sabem, o próximo jogo do Brasil
é contra Camarões, ou seja, vamos fazer uma pesquisa para trazer um artista bem
legal de lá para vocês. Até a próxima então!
Renan Oliveira

4 Comments

  1. Nunca tinha ouvido uma música croata, foi um pouco estranho shuahuahsua mas, gostei!
    Agora, México é México <3 Sou apaixonada pela música mexicana: Thalia, Belinda, Dulce María, Anahí, Maite Perroni, Christopher Uckermann, Christian Chávez e muitos outros. Sem contar, que a língua espanhola (vulgo o sotaque mexicano) é maravilhosa!
    Gostei dessa coluna, pois assim conhecemos cantores e bandas de lugares que nem imaginávamos existir. E assim rompemos a barreira e começamos ouvir músicas em outras línguas (eu por exemplo, às vezes ouço músicas em alemão, italiano, espanhol, etc)

    Adorei seu blog *-*

    Beijos invernode1996.blogspot.com.br

  2. Nossa, que interessante, eu estava pesquisando sobre essa cantora, Severina a qual sou fã, inclusive tenho um projeto pra gravar uma música cover dela em português no início de 2021. Tô pesquisando mais da cultura pop croata pra mim trazer pro clipe. Excelente matéria! 😍

    • Nossa fiquei bastante feliz com seu comentário. Muito obrigada, depois me manda seu cover!

DEIXE SEU COMENTÁRIO