terça-feira, 20 de maio de 2014

Entrevista exclusiva com Vida de Caçador .


Olá, queridos leitores curiosos (as).

Tudo bem com vocês?

Eu (Maah Music), estou superfeliz, pois hoje tem entrevista exclusiva com banda Vida de Caçador, aquela banda insana que já apresentei aqui pra vocês. Quem lembra?
Eles estão de volta no Maah Music e, antes de tudo, quero fazer meus agradecimento ao Luis Theodoro pela oportunidade de ter essa entrevista para os meus leitores. É uma honra para mim e para o blog.

Então, vamos conferir a entrevista incrível que tive com Luis, o vocalista da banda.  



- Estou feliz pela a presença da banda Vida de Caçador. Contem para os leitores. Por que o nome “VIDA DE CAÇADOR”?
O nome é uma forma expressar a vida cotidiana de cada indivíduo, onde se busca ao máximo o ideal dos nossos valores, a busca continua para um futuro melhor que cada um almeja, e seja ele qual for. Encaramos isso como uma “caçada” em nossas vidas, ou seja uma “VIDA DE CAÇADOR”.

- Antes da formação da banda, vocês já tiveram outras bandas?
Sim! Todos da banda vieram de outras formações, onde todos se conheciam do cenário underground da nossa cidade há mais de 10 anos. Após a dissolução das bandas, nos unimos com objetivo de fazer o que sempre gostamos, rock!

- Vocês é uma banda de Hardcore.  Como vocês ver o cenário musical para esse estilo de som?
O hardcore é extremamente amplo, o cenário de hoje está bem mais “facilitado” do que há 10, 15 anos atrás, a internet pulverizou muito isso, ajudou as bandas trocarem o material entre si, e também à comunicação entre os produtores. Ainda existem algumas barreiras, mas isso sempre terá!

- Vocês têm uma descrição que diz “Com intenção de mudar, desabafar e criar um novo cotidiano”. Música boa pode mudar o dia a dia da pessoa?
Com certeza! A música faz que a pessoa se sinta melhor, faz refletir, essa é a nossa ideia nas nossas músicas, a mensagem a ser passada é exatamente essa, e acreditamos nisso.

- Com a descrição que usei na outra pergunta. Qual a intenção da banda? Vocês o som de vocês para desabafar?
Como disse, fazer com que se pense em mudanças, e mudanças para melhorar as nossas vidas, desabafando tudo aquilo que está engasgado dentro de cada um, renovando e se sentindo melhor. Essa é a ideia.

- Qual as influencia musicas da banda? Vocês têm gostos musicais diferentes ou todo mundo curte o mesmo som?
Nossa... São diversas, cada um na banda tem a sua influência, desde o indie rock até o metal, isso é legal, pois faz com que cada um se inspire em algo nas composições, e não deixando de lado a nosso estilo principal, juntamos tudo isso e agregamos ao hardcore.

- O que atualmente vocês têm ouvido mais na playlist da banda? Vocês acham que os sons de vocês escutam, de alguma forma acabar transparecendo nas composições da banda?
Eu Luis, particularmente tenho ouvido muito as bandas de hardcore nacionais, o novo álbum do Plastic Fire por exemplo, tá lindo! Uma banda muito boa do RS, Suerte que tenho ouvido muito também, tem o Rawfire, Blackjaw, Chuva Negra, Horace Green, além dos parceiros nosso do San Petter, já as gringas o split novo do Circa Survive e Sunny Day Real State, tenho ouvido demais, enfim tudo isso.
E sobre transparecer nas composições, eu acho que é inevitável, influencias boas são sempre bem vinda né!

- Vocês têm fãs fiéis. Como vocês lidam com os fãs? Como é o contato com eles?
Temos uma rapaziada ponta firme que é sensacional, estão com a gente desde o começo, ajudam a divulgar a banda, fazem a correria junto, o contato com eles é bem próximo, temos até um grupo no Whatsapp que sempre conto as novidades da banda, isso é bem legal!

- Vocês são de Jacareí. Quais lugares vocês têm vontade de tocar? Qual banda ou musico vocês gostariam de abrir o som?
Bom, tem tantos lugares que queremos tocar (risos), todos da banda já tocaram em palcos lendários, como o Black Jack, Hangar 110, Inferno, mas com as outras bandas que tivemos. Mas acho que todos hoje desejam tocar no Hangar 110, e abrindo pro Dead Fish e Garage Fuzz, se tiver a oportunidade, já avisa ai (risos).

- Na opinião de vocês. Existe união no cenário musical ou vocês acham que nos tempo de hoje não tem como ter mais a união que tinha antigamente?
Perguntinha difícil essa hein (risos), olha acho que tanto hoje em dia como antigamente o cenário é esse, existem pessoas que querem ajudar e outras querendo sugar, então acho que é como amizade, é saber escolher com quem está correndo junto e está ao seu lado.

- Entrevista está acabando. Mas antes contem quais as próximas novidades, shows, clipes que podermos esperar da banda?
Sobre projetos, acabamos de lançar nosso material de merch, com camisetas, adesivos e lançando nosso EP físico, há também a ideia de um clipe, porém creio que seja mais para o fim do ano, e podem esperar show intensos, cheio de energia e muito hardcore.

- Hoje vocês estão no comando do blog. Qual música vocês deixam para os leitores dá o play?
Pessoal, apertem o play e ouçam “Materno”.

Então, aumente do som e vamos ouvir Vida de Caçador!



E vocês, gostaram? O que vocês acharam da entrevista? Deixem seus comentários!

Não deixe de acessar a Fan Page da banda e ficar por dentro de todas as novidades. 


Vou ficando por aqui e amanhã tem muito mais, muita música para vocês!!
Beijo,
@maahmusic

Um comentário: