segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Entrevista exclusiva com Vivendo do Ócio.



Olá, queridos leitores.

Tudo bem com vocês?
Hoje tem novidade exclusiva aqui no blog. Estou feliz  pela presença da banda Vivendo do Ócio, tive oportunidade e a  honra de bate um papo com a banda. Foi incrível.

É com honra que apresento Vivendo do Ócio aqui no Maah Music.


. É uma grande honra ter a presença da banda Vivendo do Ócio.  Vocês recentemente participaram do Festival BRock, como foi para vocês participar?
Muito obrigado, pessoal do Maah Music. Então, foi ótimo, tivemos a idéia de fazer o festival pra tentar unir uma cena, que existe, mas as bandas que tem um trabalho mais intenso, acabam não tocando juntas e é importante que isso aconteça pra misturar os públicos de cada banda, assim todas se agregam e um resultado positivo é garantido, como foi na 1ª edição do Festival BRock e a galera pode esperar que virão outras.

. Qual a opinião de vocês sobre a cena underground de hoje? Existe espaço para bandas novas?
A cena sempre teve muitas bandas boas. Espaço existe, mas as bandas precisam ir atrás deles, não adianta fazer um bom disco, ter uma identidade visual legal e achar que as coisas vão acontecer por isso, reforçando o que dissemos na resposta anterior: A galera precisa se juntar, serem parceiras, nenhuma cena musical no mundo aconteceu por causa de apenas uma banda. A internet proporciona um espaço que precisa ser bem aproveitado, não é todo mundo que abre as portas pra uma banda nova tocar e ainda tem a dificuldade que varia de cidade pra cidade, então é importante que comece a chamar atenção das pessoas para aumentar as possibilidades de show e a web é uma ótima vitrine pra isso.

. Vocês acabaram de lançar um EP. Como foi a produção? Ele é muito diferente dos outros álbuns?
Essas EP são músicas que deixamos “na manga” quando gravamos o álbum “O Pensamento É Um Ímã” (2012, Deck), as músicas seguem a mesma linha de composição, mas já mostram um pouco de outros caminhos podemos dar as canções. Decidimos guardá-las pensando exatamente no lançamento de um EP, também pra ser um aquecimento para o 3º disco, programado pra 2014.

. Hoje em dia muitas bandas vivem misturando ritmos de musicas. E vocês fizeram no começo do ano um cover da Gaby Amarantos. Vocês acham que no mundo da música vale tudo, mistura ritmos e estilos de musicas?
Foi muito massa fazer essa versão, veio de um convite da MTV gravar uma música de alguma diva pop, recebemos uma lista de cantoras internacionais, sugerimos a Gaby e eles toparam! Ficamos muito honrados com a postura da postura dela ao escutar a versão, nos respondeu com muita humildade e carinho, isso nos fez admira-la ainda mais.
Com certeza a mistura é a melhor que a música tem a oferecer, só depende de quem faz a mistura. Achamos o maior vacilo colocar barreiras na música, afinal, não se deve impor limites na arte.

. Qual as influencia da banda? O que atualmente vocês estão ouvindo?   
Nós influenciamos de Raul Seixas a Gang of Four, as bandas da geração 2000, de Strokes e cia, mas com o tempo estamos fortalecendo nossa identidade agregando outras influências, outros estilos, principalmente do Brasil. Estamos ouvindo: Zé Ramalho, Paul McCartney, Sabotage, Eddie, Jay-Z, Kaiser Chiefs e Snoop Lion.

. Vocês têm muitos fãs. E a galera está sempre deixando recado nas redes sociais. Como é o contato com os fãs?
Trabalhamos bastante na internet, nós mesmos cuidamos e respondemos tudo e fazemos isso com muito prazer, o público é o bem maior de qualquer pessoa que faz música, então, damos máximo respeito a isso e procuramos sempre trocar idéias com a galera e isso se estende aos shows também.

. Curiosidades do blog. A música “meu precioso” foi uma historia real?
É melhor manter o mistério. (risos)

. Entrevista chegando ao fim. Qual recado vocês deixam para galera que é fã da banda e para os leitores do blog?
Continuem compartilhando de nossa música e que sempre busquem novos sons, principalmente aqui no Brasil! É só procurar direitinho que vão achar muitas bandas boas, aqui vão algumas: Vespas Mandarinas, Selvagens à Procura de Lei, O Terno, The Baggios, Retrofoguetes, Maglore, Cascadura, Scambo, ForFun, Cassino Supernova, Nevilton, Os Azuis, Medulla, The Pivos, Pastel de Miolos, Eddie, Lira, Pública, Talma&Gadelha, Vanguart, Martin e Eduardo, Camarones Orquestra Guitarristica, Facas Voadoras… enfim, são muitas!

. Quais as próximas novidades da banda?
Deve sair mais um clipe e ano que vem tem disco novo pra galera, enquanto isso, estamos tocando bastante Brasil a fora.

. Antes de irem embora. Qual musica vocês dedicam para galera?
“Ócio Não É Negócio”! Música que faz parte do novo EP e a pouco saiu um lyric video!



Gostaram? 

Fiquei na curiosidade sobre a música (risos). Mas posso garantir uma coisa para vocês, um dos melhores shows de rock que já fui, com toda certeza foi da banda Vivendo do Ócio.

Fiquem por dentro de todas as novidades da banda. Acessem: 



Amanhã tem mais música aqui no Maah Music.
Beijo,
@maahmusic

2 comentários:

  1. Massa!! curti a banda, sucesso pra galera \o/
    Beijão

    ResponderExcluir
  2. Aaaaaaaaahhhhh kkk queria saber se meu precioso aconteceu kkk ótima entrevista, VDO a melhor do Brasil.

    ResponderExcluir