terça-feira, 23 de outubro de 2012

Entrevista Exclusiva com Roger Menn


Olá, meus queridos leitores.

Tudo bem com vocês?
Bom, hoje estou disposta a fazer uma postagem diferenciada. Isso mesmo, sem dicas hoje.
É com grande alegria que vou postar uma entrevista de um grande músico. Confesso ser grande fã dele como artista e como pessoa, pois é adorável e admirável o trabalho que ele faz e vem fazendo em todo esse tempo junto a sua carreira musical.




Estou falando de Roger Menn, compositor e vocalista da banda Radikalez. Já deu pra perceber que será uma entrevista bacana, certo? Então embora conhecer mais um pouco sobre Roger Menn aqui no Blog Maah Music.

. Roger Menn, nós do Blog Maah Music queremos saber: como foi que você descobriu que queria ser músico?
Desde muito cedo, eu ouvia música em casa e na casa dos meus avôs maternos. Aos 12 anos fui estudar violão com o mestre Jorge Assad, que é pai da Badi Assad e do Duo Assad de violões. Mas, aos 15 anos de idade, quando comecei a compor, foi quando realmente quis ser músico pela vida inteira!

. Quando você começou na música, como foi pra você? Teve muitas dificuldades?
Dificuldades existem até hoje. Acredito que antes era um pouco mais tranqüilo, mas, hoje em dia, a cultura de massa toma conta e o pop rock não encontra muita alternativa. Mas estamos aí, com a internet para ajudar a divulgar nosso trabalho!

. Como começou a banda RADIKALEZ ?
A RADIKALEZ teve início no final de 2003 e era uma banda de duas pessoas: eu na guitarra e no vocal, e Jean Beraldo na bateria. Era uma coisa meio White Stripes. Depois, entrou o TC no baixo. De lá pra cá, várias pessoas já passaram pela banda, mas a formação atual sou eu no vocal e guitarra, Jorge Rossi na guitarra e TC no baixo. Estamos à procura de um baterista e, enquanto isso, quando há show, pegamos um baterista freelancer.

. Como foi a escolha do nome da banda RADIKALEZ? Porque RADIKALEZ?
RADIKALEZ veio na minha cabeça do nada. Acho que tem uma sonoridade legal e forte. E RADIKALEZ lembra a palavra radical, que tem a ver com o nosso som. Além disso, a palavra radical também significa raiz e nós sempre damos valor em nossas raízes musicais. 

. Você é músico e, com toda certeza, está sempre por dentro do que rola no mundo da música. O que você acha sobre o som da galera nova que está surgindo na cena?
Acredito que tudo que é verdadeiro vale a pena! Tem muita gente boa aparecendo e o pop rock precisa se organizar para ter mais força na cena nacional. 

. Muitas pessoas vêm dizendo que o rock está morrendo aos poucos, pois a galera nova que está surgindo vem com som mais pop com uma mistura de rock. Você acha que o rock realmente está morrendo?
O rock nunca vai morrer. O que manda é a atitude rock n' roll em cada letra, maneira de tocar, de se apresentar e tudo mais. E essa atitude está presente em até outros gêneros musicais, mas, se não for verdadeiro, se for apenas para fazer 'tipo', não devemos levar em consideração.
Não vejo problema algum em misturar pop com rock. Como disse, se não for pra fazer 'tipo' e o som for verdadeiro, está valendo!

. Você é um grande músico e muito admirando por muitas bandas. Qual é a dica para as bandas que estão começando?
Muito obrigado pelo “grande músico”. A dica é fazer seu som, ser humilde e correr atrás do seu sonho, do seu real, do que você acredita. Seja persistente!

. Você gosta de compor músicas? Qual é o maior atrativo nas letras de uma boa música, em sua opinião?

Adoro, amo compor músicas. O maior atrativo pra mim em uma letra é o compositor conseguir me fazer olhar para dentro de mim mesmo e achar o sentimento que a música passa. É claro que temos várias músicas, algumas para dançar, outras para lembrar, até música para elevador temos. O que importa é ser original, objetiva e que desperte o sentimento que ela propõe ao ouvinte.

. Quando você está de folga, o que mais você gostar de ouvir?
Eu sou bem eclético. Depende do dia de folga, mas gosto de pesquisar, ouvir coisas novas e muita coisa antiga também. Ouço de Elis Regina e Clube da Esquina, até F.U.N, Gotye, Metallica e Green Day, entre outros.

. Queremos saber quais suas influências. E qual as influências da sua banda RADIKALEZ?
Minhas influências, até hoje, são as bandas que me identifiquei e conheci quando criança e adolescente. Alguns como Raul Seixas, RPM, Paralamas do Sucesso, Legião Urbana, Titãs, Ultraje, Raimundos, Rumbora, Pato Fu, Kid Abelha, Zeca Baleiro, Metallica, Kiss, Bob Dylan, Guns n' Roses, Green Day, Red Hot e por aí vai. Da banda, basicamente não difere muito; os outros integrantes curtem esses sons que citei.

. Qual é o ídolo da música pra você, Roger Menn?
Tenho vários, mas o que mais me marcou foi Renato Russo, porque sempre fui muito tocado por suas letras e melodias. 

. O que você gostar de ler nas horas vagas?
Gosto de ler biografias de músicos e bandas. Um dos livros que curto muito, é do escritor Ricardo Alexandre; o livro se chama 'Dias de Luta', nome de uma letra de música do Ira! O livro faz uma retrospectiva do rock nacional dos anos 80. É muito bom!

. Queremos saber qual é a importância da música na sua vida.
Acredito que não só na minha, mas música é fundamental na vida de qualquer ser vivo no planeta. Sem música, sem vida.

. Por ser muito conhecido pelos trabalhos com sua banda, pesquisando, descobri que você tem muitos fãs. Como você ser sente em relação a esse carinho das pessoas?
Fico muito feliz em saber que, de alguma forma, com as minhas canções e melodias, consegui tocar essa pessoa. Isso é o reconhecimento, é o melhor dos reconhecimentos e é o que realmente me deixa feliz!

. O Blog Maah Music quer saber quais são as próximas novidades da sua banda. Ou mesmo as próximas novidades que podermos esperar sobre algum trabalho seu.
A RADIKALEZ está com novidade si. Vamos lançar em dezembro de 2012 o novo álbum da RADIKALEZ, que vai se chamar 'AGORA'. O novo CD conta com composições minhas, do guitarrista Jorge Rossi e do baixista TC. Ainda tem participação da cantora e compositora Nô Stopa, da multi-instrumentista Giovana Vincenzi e também parcerias com o músico e produtor Érico Theobaldo, que foi produtor do primeiro álbum, e uma letra 'Rock n' Roll Todo Dia' muito boa, de um amigo, Léo de Andrade!
 



. Que pena mais uma entrevista mega bacana está no fim, mas antes o blog maah music quer saber: qual música você dedica pra galera do blog e para o pessoal que curtir seu trabalho?
Dedico 'Sonhos de Garagem'!!! Basta sonhar com os pés no chão para flutuar com a realidade! Ouça: 






Agradeço muito a oportunidade de contar um pouco sobre meu trabalho e conte sempre com a RADIKALEZ! Um beijo pra você e para todos os leitores do Blog Maah Music!


Então, meus leitores rock’n’roll, gostaram da entrevista?

Eu posso dizer com toda alegria do mundo que estou cada vez mais fã do Roger e, claro, não posso deixar de agradecer a ele pela atenção, pela oportunidade de ter uma entrevista dele aqui no blog maah music. Muito obrigada, Roger, e conte com o Blog para publicar as suas novidades. 











Quer conhecer mais sobre o Roger e sua banda? É fácil, galera, basta acessar os seguintes links.
Blog da RADIKALEZ:
www.radikalezbanda.blogspot.com.br

Facebook:
https://www.facebook.com/radikalezbanda

Twitter: 
@radikalezbanda

Youtube:
www.youtube.com/radikalez

MySpace:
www.myspace.com/radikalez

 
Bom, vou indo nessa! Muito obrigada a todos pela visita aqui no blog e voltem sempre, porque aqui sempre tem uma novidade do mundo da música pra vocês!!!!!!!!

Beijo,
@maahmusic
Revisor: Renan Oliveira
 

3 comentários:

  1. Muito boa a entrevista e gosto de vir aqui porque sempre conheço bandas novas! Parabéns.
    bjoks

    ResponderExcluir
  2. Mah muito legal essa entrevista não conhecia a banda, mesmo não fazendo muito meu estilo, são bastante talentosos :* beijinhoos

    ResponderExcluir
  3. Gostei da entrevista, ainda não conhecia a banda *_*

    Bezoss!
    www.deliriosdegarota.com

    ResponderExcluir