quinta-feira, 26 de julho de 2012

Entrevista com Produto Musical Pablo M&M.


Boa Noite pessoal,

Tudo bem com vocês?

Semana com muitas novidades aqui no Blog Maah Music, muitas entrevistas bacanas pra vocês, e claro tudo sempre em primeira mão.

Bom e hoje aqui no blog temos uma entrevista com produtor musical e baterista Pablo M&M.
Vamos conhece um pouco sobre a profissão e sem papa na língua Pablo fala tudo que pensar.




Como foi que você decidiu ser produtor musical?
Na verdade tudo começou como um hobby. [risadas]
A principio quando estava no colegial tinha uma banda com um amigo, e nós mesmos gravávamos nossas músicas e às produzíamos. Este amigo tinha um conhecimento mais avançado que eu nestes assuntos, e aos poucos fui me interessando neste mundo. De fato, alguns anos depois fizemos universidade juntos e nos graduamos em Produção Musical. 
Hoje em dia levo o cargo de Produtor Musical como uma extensão da minha profissão como Músico e Baterista, geralmente sou eu quem gravo e produzo os projetos que estou envolvido, e quando outra pessoa está encarregada desta área tenho conhecimento para saber o que está sendo feito durante o processo de produção, podendo opinar de uma forma profissional. Vivo na filosofia do "Do It Yourself", e estudar produção musical foi uma forma que achei de não entregar totalmente meu trabalho nas mãos dos outros, foi uma forma de estar por dentro do que está sendo feito. [risadas]

. Quais bandas que você já produziu?
Não só trabalho com bandas, como já trabalhei com trilhas sonoras, sonoplastias e um curta metragem.
No momento não tenho trabalhado com bandas, pela falta de tempo, mas recentemente produzi o CD da banda de blues New Chez, e tenho produzido meu projeto solo e minha atual banda Nakeds, estamos gravando nosso CD. 
Neste ano recebi alguns convites interessantes para trabalhar com bandas, mas infelizmente tive que negar, ultimamente minha vida anda muito corrida. [risadas]

. Qual a coisa mais importante no seu ponto de vista que uma banda tem que ter para permanecer em alta na cena?
Primeiramente, para conseguir entrar na cena, acredito que a banda tenha que ter uma personalidade forte, e algum tipo de diferencial, que dependendo do gênero musical não seja nem muito extravagante e nem muito parco. De certa forma deverá haver um certo equilíbrio. Alguns produtores acreditam que as bandas que mais fazem sucesso são aquelas que 'ou você ama ou odeia', que não tenha meio termo.
Já para permanecer em alta na cena por bastante tempo, acredito que a banda tenha que estar sempre compondo novas músicas e CDs /EPs, e lançando sempre singles para não esfriar o público. A banda deverá sempre estar nos meios de comunicação como Rádio, Televisão e Redes Sociais. Sempre com shows marcados, lançando promoções e interagindo com seu público. Depois que entra na cena, a tática é não deixar a 'batata esfriar' [risadas]. O que costuma fazer uma banda decair, é o tempo que ela leva para produzir um novo CD, este tempo de 'hiato' em que ela fica fora dos palcos faz com que outras bandas peguem seu lugar.

. Quais suas expectativas para os próximos festivais como SWU?
Quanto ao SWU estou super desapontado, acredito que o único e real evento que apoiava a sustentabilidade foi sua primeira versão. As outras aos poucos foram sendo vendidas e desestruturadas pela cobiça. Hoje em dia o SWU não passa de um evento normal que visa fins lucrativos como qualquer outro, onde a única coisa de sustentabilidade que permanece é seu site. O pior não foram nem as trocas de território entre o primeiro, segundo e agora o terceiro que será no Morumbi. Mas o fato do esquecimento do ideal em sí.
Ficou muito evidente que o segundo SWU não passou de um mero festival normal com visão lucrativa. O qual não se teve toda importância a respeito do meio ambiente, e muito menos a conscientização do assunto para o público. Teve assalto, galera com má fé, enfim, tirando os shows de resto não aprovei. Diferente do primeiro, que tudo ali visava o ideal de sustentabilidade, até o clima entre grande parte das pessoas (as mais conscientes) era sobre isso. Os brinquedos, os produtos oferecidos, até o visual do local colaborava com a conscientização da sustentabilidade. Mas espero que ao menos os shows desta terceira edição possa tapar estes buracos.
Quanto aos outros festivais, acredito que seja muito importante para o Brasil, pela valorização do nosso país lá fora. E com certeza ainda terão grandes festivais com grandes bandas. O Brasil anda precisando desta cultura de grandes festivais, o público anda carente. E espero que um dia tenhamos o mesmo número de festivais que o EUA e outros países tem. 

. Como produtor musical, quais as musicas que você tem ouvido com mais freqüência? E quais bandas você acha que esta no momento com trabalho bom?
Sinceramente eu tenho ouvido de tudo, querendo ou não um bom produtor musical tem que ser eclético. Se for citar cada banda ficamos aqui até amanhã. [risadas]
Para mim, banda boa é aquela que agrada meus ouvidos, meio obvio eu sei, mas as que me agradam podem não agradar a você. Acredito que seja algo muito pessoal. Mas com certeza a qualidade sonora e a produção das bandas melhoraram muito de uns anos para cá, por conta da inclusão tecnológica. Claro que apesar desta inclusão ainda existem bandas que não me agradam, mas se você parar para ouvir a qualidade produtiva de uma banda nacional de 2006, por exemplo, você verá grande diferença nas de hoje em dia. Mas com uma facilidade maior vem uma cobrança maior, é justamente por isso que existem musicas que grande parte dos brasileiros não suportam.

. Sendo produtor musical, qual é a parte mais difícil desse trabalho? E qual a melhor parte?
Produção Musical é um ramo bastante fechado, onde é difícil entrar no mercado sem sofrer um pouquinho. Mas a melhor parte é que depois de dentro, seu 'Network' fica bastante vasto. Aumentando suas oportunidades. 
Já para as bandas, acho que o mais difícil é que as iniciantes não se apóiam como deveriam, dificultando para todos, um crescimento em conjunto. Acho que falta compaixão entre elas, e um espírito de companheirismo. Mas isso tem melhorado com a formação dos coletivos, mas ainda tem muito o que melhorar.

. Qual sua dica para as bandas que estão começando na cena?
Criem uma personalidade própria, não viva na sombra da fama de outras bandas, você não precisa ter os mesmos aspectos que 'Restart' para fazer sucesso. Não fique sentado esperando milagre, corra atrás. 

. Grande polêmica no momento é que a cena esta por um fio, você acha que tem muitas bandas boas na cena ou tem muitas bandas ruins e por isso esta por um fio?  
Na minha opinião sempre houve e sempre haverá, pois existe um equilíbrio entre bandas boas e bandas ruins. Da mesma forma que a uns anos atrás todos falavam mal de NxZero, hoje todos falam de Restart. É um ciclo vicioso que não tem fim. E infelizmente existe muita banda boa que merece atenção mas não ganha.
Se a cena está por um fio, é por conta da falta de companheirismo entre as bandas, da falta de festivais e eventos que haviam antes e da falta de oportunidade que novas bandas precisam. A mídia muitas vezes não colabora, no fundo, não passa de 'política'. 

. Quais são seus próximos projetos como produto musical?
Grandes novidades estão por vir! Tenho me esforçado bastante para concretizá-las. Mas infelizmente ainda não posso divulgar nada. 

. Quais bandas você indica para galera conhecer mais sobre o trabalho?
Nakeds ! [risadas]
Recentemente comprei todos os CDs do Xavier Rudd, e gostei bastante. Ele mistura bastante gênero em uma só música. Existem músicas para se animar, para filosofar e simplesmente para relaxar. Cada CD tem sua personalidade,  aconselho o pessoal a ouvir todos os CDs, e não apenas um.

. Temos muita curiosidade para saber na sua opinião, qual a parte mais importante que um produtor musical tem com a banda ou com musico?
O mais importante é o produtor musical ser ativo dentro da banda, fazendo parte dela, e estar presente em cada passo que a banda/músico der.

. Muitas curiosidades sobre o trabalho de produtor musical. É com mega prazer que o Blog Maah Music publique uma entrevista tão bacana, pena que esta no fim, por isso queremos saber qual música você dedicar pra galera aqui do blog?
Foster The People - Pumped Up Kicks. Para alegrar a galerinha! (:







Contato  Pablo M&M

E-Mail: pab.mem@hotmail.com
Twitter: @mmpabs
Facebook: /mmpab

 
Eai galera, gostaram da entrevista?
Particularmente, eu adorei entrevista com o  Pablo o mais bacana é que ele tem sua própria opinião formada e sem medo, fala tudo que pensar.

Claro que não poderia deixar de agradecer ao Pablo pela entrevista, pra mim foi, mas um aprendizado do que apenas só uma entrevista, muito obrigada Pablo.

A todas as entrevistas pra mim é uma aprendizado super legal, pois acabo sabendo um pouco mais sobre a profissão e cada ponto de vista de cada um das pessoas que estou entrevistado.

Espero que tenham gostado do post de hoje.

Quer manda sugestão? Parceria? Ou ate mesmo da sua opinião sobre o Blog?
Simples galera, só manda um email pra maahmusic@yahoo.com.br.

Super beijo.

10 comentários:

  1. Olá, parabéns pelo seu blog!
    Se você puder visite este blog:
    http://morgannascimento.blogspot.com.br/
    Obrigado pela atenção

    ResponderExcluir
  2. Obrigada pela visitinha ^^ eu estou optima e ainda fico mais sempre que me visitas ^^ Gostei bastante da entrevista, e do entrevistado adoro o formato do blog
    vivernumt0.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  3. Mais uma entrevista super legal! Parabéns pela criatividade nas perguntas!

    Beijos da Kika/Blog Acessarte

    ResponderExcluir
  4. Obrigada Maah!

    beijinho
    Adriana S'

    ResponderExcluir
  5. ótimo entrevista ;) beijos!
    http://dezahoffmannmoda.blogspot.com.br/2012/07/apresentacao-no-youtube.html

    ResponderExcluir
  6. Adorei a entrevista! :)

    www.deliriosdegarota.com

    ResponderExcluir
  7. Ai que máximo, adorei!

    Beijoos!
    http://simplesglamour.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Bela entrevista, vc arrasa hein menina ;)
    Ah, sobre o post da minha prima, é naquele mesmo esquema... ela te respondeu por lá. Depois da uma olhadinha ^^

    Bom domingão :)
    BEIJO!

    ResponderExcluir
  9. Perfeita essa entrevista Maah, adorei o post :) foi incrível, achei legal quando ele fala que não precisa virar restart para fazer sucesso, ele tem muita personalidade, ameei :* beijinhooos


    deborah-alana.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Adorei o post!
    Beijos
    Cléo de Lucca
    minhaamigamedisse.blogspot.com.br
    Instagram: @minhaamigamedisse_fashionblog

    ResponderExcluir